Os Imaskarcanas

Os sete artefatos diversos coletivamente conhecidos como Os Imaskarcanas foram as mais poderosas armas e apetrechos criados pelos antigos Imaskari. Dois desses itens – o Primeiro e o Quinto – foram reportados em tomos como enterrados nas ruínas de Inupras, a capital do antigo Império Imaskari.

Alguns estudiosos atribuem a construção dos artefatos em eras e por pessoas diferentes, em uma época que a Trama era forte e bruta. A história verdadeira dos criadores (ou do criador) foi esquecida com o tempo, e pela natureza dos artefatos, magias para revelar sua história sempre falham. Uma coisa é certa: quem obtiver os artefatos poderá se tornar a pessoa mais poderosa de toda a Faerûm, ostentando status semelhante a um deus.

 

Imaskarcanas e os Libertadores de Phandelver

Em algum período entre 1360 a 1380, uma criatura desconhecida conseguiu reunir os Imaskarcana e planejava utilizar seu poder mágico para ascender a divindade e trazer o caos para Faerûm. Um grupo de heróis desconhecido conseguiu com a ajuda de Elminster e das Sete Irmãs conter o plano megalomaníaco do vilão, depois de quase 5 anos de campanha com várias mortes. O plano do vilão foi desbaratado, ele foi destruído, e coube as irmãs e a Elminster resolver o que fazer com os Imaskarcanas.

Como os artefatos eram muito poderosos, e era perigoso deixar eles em outras dimensões, dada a natureza maligna no qual atrairia a ira ou a cobiça dos seres extraplanares, Elminster delegou a cada irmã esconder e colocar proteções mágicas e mundanas cada um dos artefatos, e depois, ele (por meios mágicos) apagaria a memória das irmãs para que a localização não fosse conhecida nem por elas. Ele não saberia onde elas escondeu, e a informação seria perdida para sempre.

Pelo menos era o que eles achavam…

Em 1472 CV, um grupo de aventureiros desbravaram uma vila em ruínas chamada Thundertree. Depois de salvar uma vila chamada Phandalim, e destruir os planos malignos de um vilão chamado “O Aranha”, o grupo decide voltar para as ruínas (já que estavam com bastante recursos) e ressuscitar a vila, renomeando-a como New Thundertree.

Na torre principal da vila, outrora um covil de um dragão verde, encontraram uma passagem secreta subterrânea, e após descerem, encontraram um amplo salão, e dentro de um círculo mágico, tinha uma garotinha segurando uma espécie de cajado. Esses aventureiros, posteriormente autodenominados como “Libertadores de Phandelver” encontraram o Segundo Imaskarcana.

Mal sabiam eles que estavam se envolvendo em uma trama de vingança e conquista de um vilão secreto, que tinha planejado durante quase 200 anos, a reunião desses artefatos, e sua ascensão ao status de divindade…

 

ImaskarcanasA lista de Imaskarcanas

Conforme dados pesquisados em Candlekeep e informações passadas por aventureiros experientes, são os seguintes Imaskarcanas:

1º – Uma coroa crua e rudemente forjada, feita a partir de um estranho metal da cor de lavanda.
2º – Um cajado de quase 180cm, com entalhes que lembram ossos e árvores, e no topo uma caveira com olhos com cristais.
3º – Um enorme tomo encapado em ardósia e forrado com pele de dragão azul.
4º – Uma manopla enferrujada.
5º – Um cetro esburacado, de aparência desgastada, com cerca de 60cm de comprimento e 5cm de diâmetro. Uma ametista grosseiramente lapidada do tamanho de uma mão fechada de um humano está encaixada no seu cabo de bronze.
6º – Uma tiara de prata.
7º – Uma grande chave dourada.


Essa postagem inaugura uma série de outras postagens descrevendo os artefatos e adaptando-os para Dungeons and Dragons 5th Edition. As adaptações estão sendo feitas pelos Cavaleiros das Noites Insones, não são oficiais, e poderão ser utilizadas e adaptadas livremente por qualquer um, como poderão ser corrigidas conforme comentários (que sempre são bem-vindos).

Então aguardem que em breve começaremos a postar. Uma observação importante: a publicação não será em ordem! Postaremos um artefato conforme a campanha dos Libertadores de Phandelver se aprofundem. Então, espere que sairá o Segundo, depois o Quinto, depois o Primeiro… só como exemplo! Salvem essa postagem pois terá o link com todos os artefatos publicados.

E rolem dados!

 

Fontes de inspiração:

  • Lost Empires of Faerûn: Richard Baker, Ed Bonny e Travis Stout. Fev/2005 Wizards of The Coast.
  • The Seven Sisters: Ed Greenwood. Mai/1995 TSR Inc.
  • The Grand History of the Realms: Brian R. James e Ed Greenwood. Set/2007 Wizards of The Coast.
  • Underdark: Bruce R. Cordell, Gwendolyn F.M. Kestrel e Jeff Quick. Out/2003 Wizards of The Coast.

 

Noble Knight Games

Acessórios (12) Adaptação (26) Apresentações (15) Blog Antigo (19) Board Games (5) Cinema (8) Contos (10) Downloads (11) Dungeons and Dragons (77) Evento (4) Internerd (13) Jogo Eletrônico (5) Mesa dos Insones (51) Notícias (49) Pensamentos (28) Role-Playing Games (77) Storyteller (6) Teoria (25) Vídeo (6) World of Darkness (6)

Meta